Fátima Alves-Alma sensível e Poetisa da Caatinga

Poesias e prosas(sentimentos à flor da pele)

Textos


MARIA DE FÁTIMA

M ulher que nasceu pra viver entre espinhos e flores
mor sempre teve por onde andou e viveu
R  isos e prantos lhes mostram a vida
I  rá muito longe em seus pensamentos...
A  mor procura na flor que gerou!

D  a vida espera ir logo pra Deus
E  nquanto não fica somente a sofrer

F  lores diversas cultiva em casa
A  mor para elas nunca lhe faltou
T  erreno pra paz prepara constante
I  rmãos Deus lhe deu pra lhe acolher
M  ãe ela tinha qual uma criança
A  mor maternal sem fim lhe dava

       Maria de  Fátima  Alves  de  Carvalho:  Poetisa da Caatinga
Natal, 28.07.2012

 
Maria de Fátima Alves de Carvalho
Enviado por Maria de Fátima Alves de Carvalho em 29/07/2012
Alterado em 16/08/2020
Copyright © 2012. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras