Fátima Alves-Alma sensível e Poetisa da Caatinga

Poesias e prosas(sentimentos à flor da pele)

Textos


Quando seu amor me tocou...

Era tarde de domingo, no dia que seu amor me alcançou. Naquele dia eu estava em casa e cuidava dos meus canteiros, pra que logo minhas flores desabrochassem. Mas também, estava plantando muitas sementes e mudas, algumas de espécies até então pra mim desconhecidas. E para minha alegria... de repente, encontrei entre as mudas, uma singela planta, de uma beleza nunca vista por meus olhos. Ao perceber tal presença, fui tocada por um sentimento que eu ainda não havia experimentado daquela forma e foi aí , que percebi o amor se mostrando pra mim, de uma jeito diferente. Um amor que me trouxe a primavera em tempo de verão e deixou meu mundo, completamente enfeitado e perfumado.
Ao me sentir tocada pela essência desse amor, logo passei a ter mais esperança , coragem e muito zelo pelas minhas amizades. Daí em diante, esse amor tem estado comigo, seja noite ou dia,sinto a consistência da sua presença . E por causa deste amor
tenho renovado-me por dentro e por fora. Tudo em mim se faz novo, parece que só agora desabrocho completamente meu potencial de crescimento. O leve toque do seu amor... me transporta para o mundo mágico da fantasia e lá posso reinar me fazendo eternamente fada.
***
Maria de Fátima Alves de Carvalho - Poetisa da Caatinga
Natal, 30.09.2008
                (Foto de minhas mãos com uma flor do meu jardim)
Texto publicado no meu livro "Palavras de Luz..."
Maria de Fátima Alves de Carvalho
Enviado por Maria de Fátima Alves de Carvalho em 30/09/2008
Alterado em 16/08/2020
Copyright © 2008. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras